63 pessoas acabam presas em bares clandestinos em Manaus aonde assistiam a jogos

A cidade no momento está em lockdown, e bares clandestinos funcionam de portas fechadas

 

A polícia prendeu 63 pessoas que estavam em bares clandestinos no bairro Jorge Teixeira, na Zona Leste de Manaus, onde assistiam a um jogo do campeonato brasileiro. Cinco bares funcionavam de forma clandestina na localidade. O caso aconteceu na noite desta última quinta-feira (21).

As prisões aconteceram pelo descumprimento do decreto que foi feito pelo governo do Amazonas, proibindo a circulação e aglomeração de pessoas, entre 19h e 6h até o próximo dia 31, com o objetivo de conter a pandemia da Covid-19 na cidade, uma das mais afetadas do Brasil no momento.

PUBLICIDADE

Entre as pessoas, pelo menos cinco proprietários de estabelecimentos comerciais foram presos no momento. Os bares estavam passando na televisão um jogo que acontecia entre o Flamengo e o Palmeiras, a partida finalizou com o placar 2×0. O grupo foi preso devido a uma ação conjunta feita pela Polícia Civil e Militar do Amazonas.

As forças de segurança receberam uma denúncia anônima informando que os cinco bares estariam funcionando normalmente, mas de portas fechadas, com o intuito de driblar a fiscalização. O delegado Torquato Mozer, que é titular do 30° DIP (Distrito Integrado de Polícia), declarou que a polícia foi informada que em dias de jogos, os bares costumam funcionar, sempre de portas fechadas.

O delegado então declarou que haviam verificado que ocorreria um novo jogo nesta quinta-feira, e que por isso montaram a operação em questão para averiguar a denúncia que foi feita. Ao final do jogo, eles realizaram a abordagem nos cinco bares, e prenderam os donos e as pessoas que estavam no local assistindo o jogo, ao total 63 indivíduos foram presos.

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.