Antes de morrer de Coronavírus, mulher envia áudio desesperador e revela: “Não aguento mais”

Já não aguentando mais, a mulher enviou áudio ainda dentro do hospital, ela implorava para ser entubada.

Outra família foi gravemente afetada pela pandemia de coronavírus, e através de um áudio foi possível saber todo o sofrimento que uma paciente.

A dona de casa Rosimeyre Ferreira, de 37 anos estava internada em Porto Nacional, localizado no centro de Tocantins., após testar positivo para a covid-19.

Seu áudio desesperado foi enviado para sua irmã. Na gravação, você pode notar que Rosimeyre começou a implorar para intubação, não suportando a dor que sentia naqueles instantes.

PUBLICIDADE

A mulher teria pedido para que sua irmã, identificada por Meyre a levasse do hospital. Ela afirmava que não aguentava mais. Ela chegou a implorar por diversas vezes.

Rosimeyre chegou a dizer que estava no limite e não aguentaria mais. Se o médico a questionasse sobre ser intubada, ela aceitaria sem dúvida nenhuma, era tudo que ela desejava naquele momento.

Na sexta-feira, 7 de agosto, Rosimeyre não resistiu e faleceu. Ela tinha 37 anos. Ela morreu enquanto esperava por um leito na unidade de terapia intensiva (UTI). Ela era recém formada em geografia pela Universidade Federal do Tocantis (UFT).

PUBLICIDADE

A irmã da paciente, Meyre Ferreira, fez alguns comentários sobre o assunto e deixou uma mensagem para todos da comunidade médica. Rosimeyre deixou dois filhos.

Ela exige que todos os profissionais de saúde e autoridades observem a implementação efetiva dos direitos civis, especialmente em questões de saúde, o que requer garantias e subsídios fortes.

PUBLICIDADE

Escrito por Margareth Santos

Gosto de dedicar uma parte do meu tempo levando noticias e informações através de matérias relacionadas a tudo, inclusive de saúde, culinária, famosos e do mundo da maternidade.