Desempregada descobre que ocupa o mais alto cargo do país após ter auxílio emergencial negado por ser “Presidente da República”

Um caso inusitado aconteceu com uma moradora de Jabaeté que fica na periferia de Vila Velha no Espírito Santo.

Um caso inusitado aconteceu com uma moradora de Jabaeté que fica na periferia de Vila Velha no Espírito Santo.

Moradora de uma casa humilde simples a estudante identificada como Adeyula Barbosa, e que tem 31 anos após ter o pedido de auxílio emergencial negado fez uma descoberta inusitada.

O auxílio emergencial de Adeyula foi negado porque na sua carteira de trabalho digital constava que ela tinha dois empregos. E para sua surpresa um desses empregos era a ocupação do cargo de presidente da república pela Secretaria de Estado de Educação o que deixou a desempregada completamente assustada.

PUBLICIDADE

A jovem procurou os órgãos responsáveis para tentar resolver o equívoco e saber o que aconteceu causando um erro tão grave. A última vez que a estudante e desempregada trabalhou foi como cuidadora em uma escola da rede estadual na cidade onde mora ela, teve seu contrato encerrado em agosto do ano passado e desde então está desempregada.

A jovem tem dois filhos um de 7 anos e o outro de 11 anos e por estar desempregada enfrentando dificuldades no período de pandemia decidiu entrar com pedido do auxílio para arcar com as despesas da casa e também para ajudar nas mensalidades de seu curso de gestão em Recursos Humanos.

PUBLICIDADE

O marido da estudante está trabalhando, mas seu salário foi reduzido e seus benefícios foram cortados por causa da crise causada pela pandemia de coronavirus.

Por esse motivo ela fez o cadastro, mas quando foi ver se tinha sido aprovado veio a resposta que havia sido negado porque ela tinha emprego formal.

Ao pesquisar o que significa as siglas que constavam como seu emprego ficou espantada, pois em um dos empregos estava que ela era Presidente da República.

O outro emprego que consta na carteira de trabalho digital da estudante é auxiliar de secretária pela Prefeitura de Vila Velha onde a jovem trabalhou no ano de 2019.

 

+

PUBLICIDADE

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.