Emocionado, Dado Dolabella chora grande perda e se angústia: ”Me perdoa, não consegui te ajudar”

O ator Dado Dolabella, muito triste lamentou a morte do grande amigo.

Angustiado, o ator Dado Dolabella, abalou as redes sociais ao falar da perda de um grande amigo seu, Romero, em um relato emocionante em seu perfil no Instagram.

Além da descrição, o ator fez uma linda declaração ao amigo e parceiro com montagens de fotos onde os dois aparecem um ao lado do outro em vários momentos de lazer.

“Inacreditável. A ficha não cai. Uma das pessoas mais carismáticas… Gentil, engraçado, talentoso, humilde e amigo q se transformou em um irmão pra mim”, iniciou o artista.

PUBLICIDADE

“Grande mestre! Coração gigante!“, honra o amigo que o ajudou muito em sua jornada. “Com você aprendi a superar meus limites. Muito do que eu sou é graças a você!”.

O artista ainda pediu desculpas por não ter conseguido ajudar o amigo, que estava passando por um momento muito difícil lidando com a depressão. “Me desculpa por não conseguir enxergar que estava precisando muito de ajuda.

A última vez que te vi, você disse que tava melhor do que nunca, acordando cedo, correndo todo dia. Eu senti que não era bem assim… Fica a lição”, manifestou. “Me perdoa Rolmes! Não consegui te ajudar”.

PUBLICIDADE

Seguidamente o artista deixou um aviso sobre a doença. “Depressão é muito sério. Pode derrubar até um profissional da saúde. Se você tem um amigo ou parente, faça de tudo pra ajudar. Se você é um procure ajuda… Antes que seja tarde demais. Ajude! Se ajude!”, falou.
“A única coisa que conforta é saber que o céu ganhou uma estrela biônica intergalática que vai brilhar pra sempre e em breve nos encontraremos! Não precisava ser tão cedo assim… Te amo! Até depois do fim”, finalizou o ator.

As polêmicas envolvendo a ator não param

Se o artista Dado Dolabella não cumprir com os acordos exigidos pela justiça poderá retornar a prisão. A ex-esposa do ator abriu um processo contra ele no ano de 2010.

No ano passado ele teve o pedido de prisão decretado pelo 3º Juizado de Violência Doméstica de Jacarepaguá, zona oeste do Rio após não prestar os serviços relacionados ao regime aberto que estava seguindo.

A defesa do artista alegou a não prestação dos serviços, devido estar preso por falta de pagamento de pensão alimentícia de um de seus filhos.

“Por motivos totalmente alheios a vontade dele, não teve como cumprir integralmente com suas obrigações, especialmente em razão do cumprimento de 60 dias de prisão civil por não pagamento de alimentos” declarou a defesa no pedido de habeas corpus.

PUBLICIDADE

Escrito por Carla Gomes

Colunista em diversos sites. Adoro escrever sobre qualquer assunto. Cursando publicidade e marketing. Apaixonada e ecommerce e marketing digital. Contato: [email protected]